Ouvir música bem alto

Antigamente (parece que falo de cinquenta anos atrás), mas me refiro há 10, 15 anos, quando as pessoas ainda em sua maioria viviam em casas e não empilhadas em apartamentos e eram menos estressadas, o mundo ouvia mais música. Falo isso porque ouvia-se o vizinho da casa ao lado lavar seu carro dentro da garagem […]

Consulte para mais informação
Sutilmente

Descobrí que há coisas que não podem ser dadas. Por serem tão suas, tão integrantes do seu “eu”, que o entendimento dessa doação fica difícil de ser alcançada pelo outro. É como se você quisesse homenagear alguém e amputasse um dedo para lhe ofertar. Sei que o exemplo é exagerado, mas para mim essas coisas […]

Consulte para mais informação
PULSOS

E um dia se atreveu A olhar pro alto Tinha um céu mas não era azul No cansaço de tentar, quis desistir Se é coragem eu não sei. Tenta achar que não é assim tão mal Exercita a paciência Guarda os pulsos pro final Saída de emergência. E um dia desistiu, quis terminar Só mais […]

Consulte para mais informação
ÀS VEZES SOMOS IDIOTAS!

“Vejo os pombos no asfalto… eles podem voar alto… mas insistem em catar as migalhas no chão…” Odeio a capacidade que temos de nos tornar menores do que somos e piores do que nos sentimos. Somos nossos maiores inimigos. As metades dentro de nós lutam entre si o tempo todo. Achar o equilíbrio é difícil. […]

Consulte para mais informação
FAZENDO DAS DO ZECA, AS MINHAS PALAVRAS

Baudelaire, macalé, luiz melodiaQuanta maldição o meu coração não quer dinheiro querpoesiaBaudelaire macaléLuiz melodiaRimbaud a missãoPoeta e ladrão escravo da paixão sem guiaEdgar allan põe tua mão na piaLava com sabãoTua solidão tão infinita quanto o diaVicentinho, van gogh, luiza erundinaVoltem pro sertão pra plantar feijãoTulipas para a burguesiaBaudelaire, macalé, luiz melodia, waly salomão,Itamar assumpção […]

Consulte para mais informação
HÁ TEMPOS!!

Parece cocaína mas é só tristeza, talvez tua cidade.Muitos temores nascem do cansaço e da solidãoE o descompasso e o desperdício herdeiros sãoAgora da virtude que perdemos.Há tempos tive um sonho, não me lembronão me lembro…Tua tristeza é tão exataE hoje o dia é tão bonitoJá estamos acostumadosA não termos mais nem isso.Os sonhos vêm […]

Consulte para mais informação